O Que Eu Penso De… Os Ciganos

Ficha Técnica:

Título – Os Ciganos
Autores – Sophia de Mello Breyner Andresen e Pedro Sousa Tavares
Editora – Porto Editora
Edição – Outubro 2012
ISBN- 9789720726308
 

Sinopse:

A personagem principal deste conto é Ruy, um rapaz que vive numa casa que não lhe parece ser sua. Há muitas regras, muitas rotinas, tantas que nem mesmo o jardim que rodeia a casa consegue ser suficientemente grande para que se sinta livre.
Contudo, num daqueles dias de primavera que caem lentamente ao som do baloiçar das folhas, Ruy é surpreendido pelo rataplã de um tambor que o desafia a saltar o muro do jardim e a percorrer os campos até se abeirar de um acampamento de ciganos.
Com eles acaba por ficar e, inspirado pelo espírito indomado de Gela, uma rapariga cigana de olhos cor de avelã, vai descobrir o prazer de sentir o chão debaixo dos pés, enfim, vai experimentar a liberdade pela qual sempre suspirou.
Os Ciganos é um conto inédito de Sophia de Mello Breyner Andresen localizado no seu espólio na primavera de 2009. Este conto encontrava-se inacabado, tendo Pedro Sousa Tavares, jornalista e neto da escritora, assumido a responsabilidade de continuar uma história sobre o irresistível apelo da liberdade, sobre a atração pelo que está fora dos muros e pela descoberta do outro e suas diferenças.

A primeira parte do conto é da autoria de Sophia de Mello Breyner Andresen e é apresentado a azul; a segunda, a preto, foi escrita por Pedro Sousa Tavares. Em comum, o notável trabalho de ilustração de Danuta Wojciechowska.

O livro abre com uma Nota de Edição assinada por Maria Andresen de Sousa Tavares, que explica como surgiu a possibilidade de publicar este inédito; segue-se um texto de Pedro Sousa Tavares, no qual assume ter sido uma “ousadia” aceitar o desafio que lhe colocaram.

Opinião:

Ora aqui está uma obra para matar saudades para quem, tal como eu, não lê nada de Sophia há mais de uma década  O especial nisto tudo é que Sophia Andresen tem aquele toque diferente, aquela maneira de contar uma história com palavras ou até significados particulares.

Mas Os Ciganos não é só um conto inacabado. Temos também que contar com a introdução de Maria Tavares que nos conta as dúvidas e decisões da publicação deste. Gostei particularmente da parte em que Pedro recebe a chamada da tia a dizer-lhe para ele terminar o conto da avó. Penso que foi um pormenor muito querido.

Em relação ao inicio não tenho muito a dizer, porque o que Sophia escreve está bem e bem está. Em relação à continuação de Pedro Sousa Tavares penso que ele conseguiu atingir todos os objectivos. Gostei da ideia que teve para continuar a história de Ruy e acho que ele conseguiu ser fiel à escrita de Sophia. Não digo que seja igual, porque penso que ele utilizou algumas figuras de estilo um pouco a mais, mas de resto está óptimo. Ainda bem que o fez e que decidiram publicar, porque até a capa e as ilustrações valem a pena de ter e folhear inúmeras vezes.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s